Uber Eats cobra taxa de serviço de 5% em pedidos no Brasil – Aplicativos e Software

Se você usou o Uber Eats nos últimos dias, talvez tenha notado uma cobrança extra: há uma taxa de serviço de 5% a 10% sobre o valor do pedido, e uma nova taxa de R$ 1 para pedidos pequenos (menos de R$ 15). A taxa de entrega continua existindo, mas agora varia de acordo com sua localização. A empresa diz que a novidade está em testes e não deve aumentar os preços do delivery para os usuários.

Uber Eats

Tanto o aplicativo como a versão web têm a mesma descrição para a taxa de serviço: “um novo tipo de taxa com base no tamanho do seu pedido, igual a 5% [10%] do subtotal”. Há também a taxa de pedido pequeno “de R$ 1 para pedidos abaixo de R$ 15; adicione itens para remover a taxa”.

Quanto à taxa de entrega, um artigo de suporte da Uber explica que ela é variável e depende da sua localização: “você paga menos para restaurantes mais perto e sempre saberá o valor antes de selecionar o restaurante”.

Por exemplo, se você quiser um item de R$ 10 em um restaurante próximo, e sua taxa de serviço for de 5%, esse será o cálculo:

  • pedido: R$ 10
  • taxa de serviço: R$ 0,50
  • taxa de pedido pequeno: R$ 1
  • taxa de entrega: grátis
  • total: R$ 11,50
Uber Eats

Taxa de serviço de 5% mais taxa de pedido pequeno

Fizemos o teste em endereços de quatro cidades diferentes — São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre e Recife — e a taxa de serviço apareceu em todas elas, tanto no app para iPhone como no Android.

Na web, o Uber Eats só mostrou a cobrança adicional após eu fazer login; a taxa de entrega já aparecia. Isso sugere que a taxa de serviço é atrelada a determinados perfis, não a cidades específicas. Ela pode ser de 5% ou 10%, dependendo do usuário.

Em comunicado ao Tecnoblog, a Uber diz que a taxa de serviço é repassada ao entregador parceiro e ainda está em testes — não se trata de algo definitivo, pelo menos por enquanto. “O Uber Eats está constantemente realizando testes visando melhorar a eficiência da plataforma”, afirma a empresa.

A Uber acredita que a nova taxa “não deve acarretar no aumento de preços para o usuário final, já que o valor pago pela entrega é variável, de acordo com a distância e valor do pedido”.

Uber Eats

Taxa de serviço de 10%

Uber Eats cobra taxa de serviço nos EUA desde março

Nos EUA, o Uber Eats passou a cobrar pelo delivery da mesma forma em março, implementando uma taxa de entrega, taxa de serviço (15% sobre o total) e de pedido pequeno (abaixo de US$ 10).

A taxa de entrega deixou de ser fixa, e passou a considerar “fatores como sua localização e a disponibilidade de entregadores próximos”. Em Nova York, ela vai de US$ 0,49 a US$ 3,99, sem contar a cobrança adicional de 15%. Antes, era cobrado um valor único que ia de US$ 2,49 a US$ 6,49.

Harry Campbell, ex-motorista do Uber que comanda o site The Rideshare Guy, explica ao The Verge que “a Uber sempre subsidiou pedidos do Uber Eats e, comparada a outras empresas como DoorDash e Postmates, ela não cobrava coisas como taxa de serviço ou taxa de pedido pequeno, mas era apenas uma questão de tempo até que ela fizesse o mesmo”.

O Uber Eats será integrado ao aplicativo principal da Uber nos próximos meses. A empresa vê o serviço de delivery como uma alternativa para aumentar o faturamento; ela teve prejuízo de US$ 1,2 bilhão no trimestre passado.

Comments

comments

Leave a Reply